Instagram

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner

CompreSempreBem: Agosto 2015

29 de ago de 2015

CRISE E VOCÊ ENTENDA COMO ISSO TE PREJUDICA

Crise no Brasil e  sua vida entenda como te afeta


Números negativos na economia, como aumento do desemprego e desaceleração da atividade econômica, provocam mudanças de hábito nos brasileiros

A semana foi pontuada por dados ruins na economia. Na sexta-feira (28), o IBGE confirmou o que já se esperava. O Produto Interno Bruno (PIB), que mede a atividade econômica do país, caiu 1,9% no segundo trimestre. Os dados confirmaram que o Brasil está em recessão técnica, já que emendou dois trimestres consecutivos sem crescimento.
Outro dado preocupante divulgado na última semana refere-se ao mercado de trabalho. De acordo com o IBGE, a taxa de desemprego no Brasil foi de 8,3% no 2º trimestre de 2015, a maior taxa da série histórica, que teve início em 2012. Inflação, câmbio e avaliação negativa por parte das agências de risco também compõem a fase alarmante.

SERÁ QUE LULA SERÁ PRESIDENTE DO BRASIL EM 2018



Pela primeira vez,Lula fala que vai se candidatar à Presidência em 2018
Em entrevista à "Rádio Itatiaia", ex-presidente disse que PT tem outros bons nomes para o cargo, mas que vai trabalhar para que "a oposição não ganhe"
Ricardo Stuckert/ Instituto Lula
Lula esteve em evento em Montes Claros nesta quinta-feira e estará em Belo Horizonte nesta sexta
O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva já admite a possibilidade de ser candidato à presidência da República em 2018. Em entrevista à "Rádio Itatiaia", o político que presidiu o Brasil entre 2003 e 2010 disse que vai trabalhar mais na próxima campanha e não descarta seu nome, apesar de acreditar que o Partidos dos Trabalhadores (PT), tenha outros bons nomes.
"Ainda não sei se serei candidato, tem outras pessoas boas também. Eu vou para a disputa para que a oposição não ganhe as eleições", comentou o ex-presidente da República, que esteve em Montes Claros na quinta-feira e estará em Belo Horizonte no início da noite para um evento da Central Única dos Trabalhadores (CUT), no Chevrolet Hall.
Na mesma entrevista, Lula disse que o governo de Dilma Rousseff tomou decisões erradas em relação ao ajuste econômico, mas que está seguro em um futuro mais promissor nos próximos anos. "Claro que houve erros, mas estamos no caminho certo. Vamos ter um 2015 sofrível e, em 2016, a coisa vai melhor muito, com certeza", destacou.
Lula ainda destacou o objetivo da presidente de colocar a inflação em um valor próximo a 4,5%.  Em 12 meses, o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) acumula alta de 9,56%. O índice está bem acima do teto da meta de inflação do Banco Central, que é de 6,5%.
Corrupção
O ex-presidente também afirmou que um dia a população vai reconhecer a contribuição que o PT deu para o país. "Haverá um dia em que o povo brasileiro acordará de verdade e saberá agradecer que o Brasil teve um governo do PT que permitiu pela primeira vez uma investigação verdadeira", disse.
Ele ainda defendeu que os envolvidos com o escândalo da Operação Lava Jato devem ser repreendidos. "A Petrobras é motivo de orgulho para este país. Estes 10 ou 100 que cometeram erros, terão que ser punidos"
Impeachment
O político criticou os pedido de impeachment de Dilma. "Não acredito em impeachment. A realidade é outra. Eu perdi três eleições e nunca xinguei ninguém. Como dizia o Brizola, vou para casa para lamber as minhas feridas. A oposição precisa de parar de resmungar", completou.


22 de ago de 2015

COMISSÃO INTERAMERICANA DOS DIREITOS HUMANOS(CIDH),(OEA) PEDE JUSTIÇA E PUNIÇÃO PARA OS RESPONSÁVEIS PELA CHACINA EM SÃO PAULO

ORGANIZAÇÃO DOS ESTADOS AMERICANOS CONDENA CHACINA EM SÃO PAULO
Brasil-Notícias-São Paulo -Chacina

A Comissão Interamericana de Direitos Humanos (CIDH), da Organização dos Estados Americanos (OEA), condenou nesta sexta-feira, 21, o assassinato de 18 pessoas na chacina na Grande São Paulo ocorrida no último dia 13. Até agora, ninguém foi preso. A Comissão exigiu que o Brasil esclareça o "massacre" puna os responsáveis e adote medidas para evitar que novos crimes do tipo ocorram.
O órgão afirma que os assassinatos ocorrem em um "contexto de insegurança cidadã" em São Paulo e lembra que organizações, como a Anistia Internacional, já manifestaram preocupação com a morte de pessoas nas mãos de policiais do estado paulista.
A CIDH pediu que o Governo de São Paulo "continue as investigações iniciadas de maneira pronta, objetiva e imparcial, e que siga todas as linhas lógicas de investigação, inclusive a hipótese de que os possíveis autores tenham sido oficiais de forças de segurança do Estado". A Comissão é o principal órgão da OEA e tem como objetivo fiscalizar e garantir o cumprimento de direitos humanos. 
Na última terça-feira, 18, trinta e dois policiais militares de Osasco foram convocados para prestar esclarecimentos na sede da Corregedoria da corporação. Os policiais estavam trabalhando no dia da chacina em Osasco e Barueri. A principal suspeita é de que os crimes tenham acontecido em resposta à morte do cabo da PM Avenilson Pereira de Oliveira, de 42 anos, lotado no 42.° Batalhão, de Osasco. O policial foi morto a tiros por ladrões dentro de um posto de gasolina, no dia 7.
"A investigação deve esclarecer as causas que levaram a esses graves atos de violência, identificar, processar e punir os autores materiais e intelectuais, bem como atender às expectativas de justiça das vítimas e seus familiares. O Estado deve, além disso, adotar todas as medidas legais, institucionais e administrativas que sejam necessárias para assegurar que fatos como esses não se repitam", solicita a CIDH. 
A Comissão lembra que, segundo dados oficiais, 56 pessoas foram mortas em massacres, até este momento, em São Paulo, no ano de 2015. Os dados fornecidos pela Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo ao Instituto Sou da Paz, após pedido de acesso à informação, mostram que isso representa um aumento em relação ao ano anterior, quando se registraram 49 mortes em massacres para o ano inteiro. 
A polícia acredita que ao menos dez criminosos atuaram na chacina em Osasco e Barueri, divididos em três grupos diferentes. Os investigadores chegaram à conclusão após analisarem laudos periciais, cruzarem os tipos de armas e as munições, além de verificar filmagens e relatos de testemunhas.
O governo Geraldo Alckmin (PSDB) está oferecendo uma recompensa de até R$ 50 mil para quem tiver informações que levem à prisão de suspeitos na chacina. Trata-se da maior oferta já feita para tentar solucionar um crime no Estado.
Guardas municipais - Na quarta-feira, 19, a força-tarefa apreendeu um revólver calibre 38 e quatro pistolas .380, pertencentes a dois guardas-civis de Barueri, na Grande São Paulo. O objetivo dos investigadores é descobrir se as armas foram usadas em algum dos ataques.
Os dois guardas-civis suspeitos foram ouvidos pelos investigadores, mas negaram participação nos crimes. Um dos GCMs investigados é canhoto, assim como um dos criminosos que aparece em filmagens de um bar onde houve ataque. Um dos guardas também mora perto desse estabelecimento. De acordo com o secretário de Segurança Pública, Alexandre de Moraes, ainda não foi pedido à Justiça nenhum mandado de prisão. 
Os guardas-civis são os principais suspeitos de terem participado do assassinato de três pessoas em Barueri, enquanto policiais militares são investigados por 15 mortes em Osasco. A SSP também investiga se os dois grupos agiram em conjunto.

VOCÊ SABE O QUE É OEA?

ORGANIZAÇÃO DOS ESTADOS AMERICANOS


A Organização dos Estados Americanos é o mais antigo organismo regional do mundo. A sua origem remonta à Primeira Conferência Internacional Americana, realizada em Washington, D.C., de outubro de 1889 a abril de 1890. Esta reunião resultou na criação da União Internacional das Repúblicas Americanas, e começou a se tecer uma rede de disposições e instituições, dando início ao que ficará conhecido como “Sistema Interamericano”, o mais antigo sistema institucional internacional.
Washington DC da Organização dos Estados Americanos
A OEA foi fundada em 1948 com a assinatura, em Bogotá, Colômbia, daCarta da OEA que entrou em vigor em dezembro de 1951. Posteriormente, a Carta foi emendada pelo Protocolo de Buenos Aires, assinado em 1967 e que entrou em vigor em fevereiro de 1970; peloProtocolo de Cartagena das Índias, assinado em 1985 e que entrou em vigor em 1988; pelo Protocolo de Manágua, assinado em 1993 e que entrou em vigor em janeiro de 1996; e pelo Protocolo de Washington, assinado em 1992 e que entrou em vigor em setembro de 1997.
Construção de OAS no Washington DC, EUA
A Organização foi criada para alcançar nos Estados membros, como estipula o Artigo 1º da Carta, “uma ordem de paz e de justiça, para promover sua solidariedade, intensificar sua colaboração e defender sua soberania, sua integridade territorial e sua independência”.
Hoje, a OEA congrega os 35 Estados independentes das Américas e constitui o principal fórum governamental político, jurídico e social do Hemisfério. Além disso, a Organização concedeu o estatuto deobservador permanente a 69 Estados e à União Europeia (EU).
Para atingir seus objetivos mais importantes, a OEA baseia-se em seus principais pilares que são a democracia, os direitos humanos, a segurança e o desenvolvimento.

17 de ago de 2015

PROTESTO CONTRA DILMA REUNI MAIS DE UM MILHÃO DE PESSOAS

PROTESTO CONTRA PRESIDENTA DILMA ROUSSEF
Protesto contra o governo em 16/08 - Avenida Paulista, em São Paulo

Na tarde deste Domingo teve manifestação contra o governo da Presidenta Dilma Roussef nesta tarde de Domingo(16), que reuniu cerca mais de 400.000(quatrocentas mil pessoas) no horário de pico segundo Data folha.
Protesto-na-Avenida-Paulista-16-agosto
De acordo com a Secretaria da Segurança Publica do Estado de São Paulo no horário de pico por volta das 16hs chegou a 350.000 pessoas na Avenida Paulista.
Dilma acompanha protestos do Palácio do Planalto
Comparando com o protesto de 12 de Abril esse foi o maior já realizado tudo por causa da insatisfação deste governo que por falta de atenção em relação as consequência sociais, politicas e financeiras sendo que a que mais preocupa a situação econômica do Pais pelas praticas corruptas exercidas descaradamente e recém descobertas até Dezembro de 2014.





5 de ago de 2015

GOVERNO DECIDI DIMINUIR MINISTÉRIOS PARA ECONOMIZAR DINHEIRO PUBLICO

GOVERNO DIMINUI MINISTÉRIOS PARA ECONOMIZAR DINHEIRO

A presidenta da Republica Federativa do Brasil Dilma Rousseff decidiu dar o aval para cortar os Ministérios sendo que, atualmente existe 38.Conforme fonte do jornal "O ESTADO DE SÃO PAULO"que revelou em março deste ano, a Presidenta encomendou um estudo para a redução de pasta.Então alguns ministérios já estão na corda bamba sendo eles:


AGRICULTURA E PESCA E GABINETE DA SEGURANÇA INSTITUCIONAL(GSI), Além  das secretarias de ASSUNTOS ESTRATÉGICOS, PORTOS E MICRO EMPRESA, que podem ser extintos e fundidos com outras pastas segundo integrantes do governo.Por outro lado serão preservados as secretarias da Igualdade Racial, Mulheres e Direitos Humanos assim não contrariando as militâncias sociais que ainda apoiam o governo.


Portanto ainda o novo organograma esta ainda em discussão e também pessoas ligadas ao governo contesta o tempo/hora errada desta divulgação pelo governo, pois o momento exige o cuidado com a pacificação da base aliada e com enxugamento dos ministérios os partido que exercem influencia a favor do governo perderiam cargos e isso comprometeriam o governo nesta questão.